A planta de cimento Golden Bay gera economia energética com a tecnologia CBAⓇ

Projeto
Planta de cimento Golden Bay
Proprietário
The Golden Bay Cement Co. LTD
Fornecedor de cimento
GCP Applied Technologies
Solução da GCP
Tecnologia CBAⓇ
Visão geral
Visão geral

O projeto

Em um mercado de fábricas de cimento cada vez mais desafiador, a necessidade de se concentrar na fabricação de um modo econômico e ambientalmente consciente se tornou cada vez mais importante, exigindo soluções inovadoras.

A fábrica de cimento de Golden Bay em Portland, localizada na Nova Zelândia, representa um estudo de caso interessante sobre os esforços da indústria de cimento e energia para a redução de custos e melhoria da performance ambiental no processo de produção de cimento. Esta fábrica de cimento, que abastece os mercados da Nova Zelândia e do Pacífico Sul, possui uma capacidade de produção de 500.000 toneladas por ano. O cimento é produzido em um processo seco de conversão GATX-Fuller de um forno projetado Vickers, uma conversão que foi comissionada em 1983. O clínquer é moído em três moinhos de circuito aberto.

"A experiência da planta de cimento Golden Bay é um caso interessante no qual um Melhorador de Qualidade foi utilizado para reduzir o Fator de Saturação de Cal, mantendo a força do cimento. Isso permitiu que os produtores reduzissem a proporção de calcário de alto grau usada e, em última instância, reduzissem os custos de produção e o consumo de energia."

A Golden Bay Cement Plant abordou vários fornecedores de aditivos de cimento para verificar a aplicabilidade de seus produtos à estratégia identificada. Por fim, a empresa decidiu avaliar as tecnologias dos Aperfeiçoadores da Qualidade do Cimento da GCP.

Respondendo às solicitações de clientes por cimento com características de desempenho superior ao longo de vários anos, a Golden Bay Cement seguiu uma estratégia de fatores de saturação de cal progressivamente maiores. 

Tipicamente, era necessária uma mistura bruta de 75% de rocha de cimento e 25% de calcário de alto grau para produzir clínquer, considerando-se o desempenho requerido. A proporção relativamente alta de sílica de 4:1 é uma consequência desta mistura específica de materiais brutos. 

Esta alta proporção de sílica indica as potenciais dificuldades no processamento da mistura bruta desta química. O consequente alto consumo de combustível apresentava um desafio técnico para o pessoal da planta, já que eles tentavam atender às expectativas de menor consumo de energia e redução dos custos de produção por parte da indústria energética.

Após a análise minuciosa de várias opções, a estratégia acordada foi a investigação de tecnologias modernas de aditivos de cimento, as quais poderiam permitir a melhoria na performance do cimento com um menor Fator de Saturação de Cal (LSF). 

Como parte da avaliação, foram realizados ensaios laboratoriais e na fábrica pelas equipes técnicas da Golden Bay e da GCP. Esta testagem indicou que a linha CBAⓇ de aperfeiçoadores de qualidade da GCP tenderia a fornecer o melhor reforço de resistência dentre todos os aditivos alternativos avaliados.

As propriedades superiores de reforço de resistência dos tipos CBAⓇ de Aperfeiçoadores de Qualidade estão ligadas à sua capacidade de permanecer na água dos poros do cimento ao longo do tempo e de dissolver a fase de ferrite no cimento. O teste dos melhoradores de qualidade CBAⓇ indicou a possibilidade de usá-los para reduzir o LSF do clínquer, potencialmente permitindo o uso de materiais brutos menos dispendiosos e obtendo maiores forças.

O cimento fabricado durante os ensaios da fábrica de cimento Golden Bay mostraram um aumento nas forças compressivas da argamassa (de AS/NZS 2350) de 58 MPa para 65 MPa. Testes paralelos usando uma mistura de concreto de referência mostraram um aumento de 28-30 MPa para 32-34 MPa.

A decisão final de utilizar os melhoradores de qualidade CBAⓇ se baseou em sua comprovada capacidade de fornecer a performance exigida, assim como a possibilidade de futuro aprimoramento do processo.

Os resultados finais

Os Aperfeiçoadores de Qualidade podem fornecer uma vantagem para as fábricas de cimento e para a indústria energética. Eles podem ser usados para produzir uma série de benefícios, incluindo: redução do tempo de retenção do moinho; aumento da substituição de clínquer por calcário; aumento da capacidade de produção de cimento para uma dada resistência; aumento da flexibilidade na seleção e no manuseio de materiais brutos.

Foram alcançadas reduções nas emissões de gases de efeito estufa e menores custos de produção pela fábrica de cimento Golden Bay a partir do uso do Aperfeiçoador de Qualidade CBA® da GCP. Isso permitiu que a fábrica de cimento reduzisse o fator de saturação de cal no seu clínquer de 98 para 96 e depois para 95, mantendo a resistência do cimento. Por sua vez, isso permitiu o maior uso de um material bruto disponível localmente a menores custos e uma redução na temperatura de clínquer.

gcpat.com.br | North America customer service: 1-877-4AD-MIX (1-877-423-6491)

Este documento está atualizado somente a partir da última data atualizada indicada abaixo e é válido apenas para uso no Brasil. É importante que você sempre consulte as informações atualmente disponíveis no URL abaixo para fornecer as informações mais atualizadas do produto no momento do uso. Literatura adicional, como Manuais do Empreiteiro, Boletins Técnicos, Desenhos detalhados e recomendações detalhadas, além de outros documentos relevantes, também estão disponíveis em www.gcpat.com.br. As informações encontradas em outros sites não devem ser consideradas, pois podem não estar atualizadas ou aplicáveis às condições em sua localização e não aceitamos qualquer responsabilidade pelo conteúdo delas. Se houver algum conflito ou se você precisar de mais informações, entre em contato com o Serviço de Atendimento ao Cliente do GCP.

Last Updated: 2021-09-28

https://gcpat.com.br/pt-br/about/project-profiles/golden-bay-cement-plant-generates-energy-savings-cba-technology